AUTOGESTÃO PSICOLÓGICA

AUTOGESTÃO PSICOLÓGICA

3 de junho de 2019 Off Por Claudio Lima

Um dos nossos desafios cruciais nessa vida e saber gerenciar o que acreditar, já que ele dá forma aos nossos pensamentos, atitudes e comportamentos, como também, nos guia nas tomadas de decisões, na construção das nossas crenças, das nossas verdades, na nossa maneira de entender e relacionar com tudo que nos envolvem, desde a nossa relação com Deus, conosco, com o outro, com a sociedade, com os nossos sofrimentos, com a nossa postura política e social etc. Sem ele, não haverá vida em nós. Seremos pessoas vazias, sem desejos, sonhos, esperanças, fé etc., sem orientação.

Autogestão Psicológica, termo criado pelo Autogerenciamento Vivencial (AGV) com o intuito de esclarecer que somos capazes, por nós mesmos, de gerenciarmos o nosso acreditar: os nossos pensamentos, as nossas atitudes, os nossos comportamentos, os nossos desejos, as nossas escolhas, as nossas interpretações enfim, as nossas realidades psicológicas, por meio da nossa autoconsciência e autorreflexão e dos conhecimentos adquiridos. É através delas que o nosso mundo psicológico se submete ao nosso controle e a nossa maturidade psicológica é alcançada.

Isso só se tonou possível porque o Autogerenciamento Vivencial (AGV) traz na sua teoria, um novo entendimento sobre o nosso mundo psicológico. Em vez de olhá-lo com olhar racional/emocional, o vê com um olhar lógico, cognitivo/vivencial.

Tal entendimento, abriu novas janelas de compreensão sobre o nosso mundo psicológico. Nos consentiu ter uma nova consciência sobre ele, ao transferir para cada um de nós, a responsabilidade pela sua criação e seu gerenciamento.

Agora, a mente humana tem a capacidade de construir e reconstruir e gerenciar as suas realidades psicológicas de forma consciente, lógica e adequada a cada situação, por si mesma.

É importante reafirmar para que tal situação aconteça, precisaremos focar no nosso amadurecimento como pessoa, como também, cuidar da nossa saúde psicológica. Só assim, entenderemos de forma consciente e lógica o que cada estado psicológico produz ou produzirá em nós, deste modo, aprimoraremos as nossas reflexões sobre o que nos acontece, tornando possível prever as suas consequências nas nossas vidas.

Logo, a autogestão psicológica nos permite mudar o olhar sobre as nossas vidas, sobre as nossas realidades psicológicas, sobre o nosso presente, como também, encontrarmos soluções para as nossas dificuldades.

Autor: Cláudio de Oliveira Lima – Psicólogo – Idealizador e Especialista do Autogerenciamento Vivencial e desenvolvedor da Psicologia Quântica.