AUTOGESTÃO PSICOLÓGICA

AUTOGESTÃO PSICOLÓGICA

3 de junho de 2019 Off Por Claudio Lima

Autogestão Psicológica, termo criado pelo Autogerenciamento Vivencial (AGV) para explicar que somos capazes, por nós mesmos, de mudarmos os nossos pensamentos, as nossas atitudes, os nossos comportamentos, os nossos desejos, enfim as nossas realidades.

Que é através da nossa autoconsciência e autorreflexão que o nosso mundo psicológico se submete ao nosso controle.

Isso só se tonou possível por que o Autogerenciamento Vivencial (AGV) tem na sua teoria um novo entendimento sobre o nosso mundo psicológico. Em vez de olhá-lo com olhar racional/emocional o vê com um olhar lógico, cognitivo/vivencial.

Ao abandonar o mundo comportamental, emocional, inconsciente e da neurociência, o AGV, nos possibilitou termos a consciência das nossas atitudes, comportamentos e pensamentos por nós mesmos, abrindo, assim, uma nova janela psicológica na nossa maneira de entender, ser e viver as nossas vidas; o que nos permitiu ter o autogerenciamento do nosso mundo psicológico.

A mente humana tem agora, a capacidade de construir e reconstruir as suas realidades psicológicas de forma consciente e adequada a situação, porém, precisa da nossa maturidade e saúde psicológica para escolher os elementos instigadores das nossas lógicas cognitivo-vivenciais presentes e fazer as transformações necessárias para o nosso bem viver.

Em termos de maturidade psicológica, cada um de nós evolui com o nível de renovação das suas lógicas cognitivo-vivenciais. A cognitiva depende do acúmulo ou renovação das informações e as vivenciais da transitoriedade das experiências vivenciais e suas percepções e interpretações.

Tais entendimentos nos permitiram aprimorar a nossas reflexões sobre o que nos acontece no dia a dia, o que nos possibilitou termos autogestão sobre as nossas escolhas e suas consequências, ou seja, entender de forma consciente o que cada estado psicológico produz ou produzirá em nós e suas consequências no presente.

Entendido assim, a solução dos nossos conflitos tem como ponto de partida o que estamos vivendo agora e a sua repercussão no nosso presente e futuro. Logo, é através da autogestão do nosso presente, das nossas atitudes atuais é que mudaremos o olhar sobre as nossas vidas, sobre a nossa realidade psicológica.

Autor: Cláudio de Oliveira Lima – Psicólogo – Idealizador e Especialista do Autogerenciamento Vivencial